quarta-feira, 17 de agosto de 2016

time for... repost #7

porque sinto, amiúde, saudades do Shantaram. porque preciso desesperadamente de bons livros para ler (o exemplar aqui do lado direito vai ter que ficar, para já, a meio... mãezinha e Eduardo Sá que me desculpem, mas não me está a transmitir nada...)


 
o livro que estou a ler é realmente das coisinhas mais fascinantes que já me passaram pelas mãos e pelos olhinhos. o facto de ser sobre a Índia é, desde logo, cativante e os relatos incríveis da vida naquela país (nomeadamente na cidade de Bombaim) deixa-me ainda mais com a certeza de que, para já, não tenho estômago para viajar até lá. o ritmo da escrita é para lá de incrível... a par das descrições espectaculares dos cenários em que a acção decorre e das personagens, está sempre a acontecer qualquer coisa de extraordinário! quando achamos que vai acalmar... pumbas... lá vem um acidente de táxi, um incêndio na slum, um banquete num arranha céus em construção ou um urso amestrado que precisa de um abraço... mais, os ensinamentos em termos de relações humanas também não foram esquecidos, com uma panóplia de sentimentos a serem descritos de forma ímpar pelo autor. sei que tenho livro até ao Natal (ainda não cheguei a meio. são 900 e tal páginas de letrinha miudinha) e ainda bem porque este é daqueles que me vai deixar órfã durante uns bons tempos (apesar de já ter obras bem boas em lista de espera).

2 comentários:

semi-nomada disse...

Eu, psicóloga, me confesso: Não gosto dos livros do Eduardo Sá! Não me identifico! Não acho que me tragam nada de novo (ou positivo)!
Estou a ler "A vida de Pi", que também começa na India :-)
Enquanto pessoa que já lá esteve (na India) tenho a dizer que foi o local onde senti maior diferença relativamente à nossa forma de vida. O trânsito, a forma como as pessoas lidam com os animais, as atividades que se passam na rua, o comércio, as cores, a comida... é tudo tão diferente...

macaca grava-por-cima disse...

obrigada pelo comentário minha querida!
assim sinto me menos sozinha... ahahahah